Páginas

sexta-feira, 12 de fevereiro de 2010

As Frases de Sandman


Nos meados dos anos noventa conheci uma saga em quadrinhos sem igual. Era Sandman de Neil Gaiman. O promissor escritor foi chamado na época pela DC Comics para revitalizar um personagem de outra época, e Gaiman foi muito mais além disso. Ele criou uma nova mitologia cheia de elementos góticos, fantásticos e existenciais. Escrever sobre tal assunto é mais que empolgante, mas meu objetivo nesta postagem não é uma resenha sobre o trabalho de Gaiman.Quero apenas instigar aqueles que não conhecem e saudar aqueles que já conhecem a saga dos perpétuos.
Existem muitas frases, diálogos, citações marcantes na escrita de Gaiman. Essas frases abaixo são apenas grãos de areia no imenso universo de Sandman
Dedico esta postagem ao amigo da trupe noturna Paulo Marcelo, grande admirador das criações de Neil Gaiman.

Para quem não conhece

http://pt.wikipedia.org/wiki/Sandman_(Morfeus)


“Aos amigos ausentes, amores perdidos e velhos deuses... e à estação das brumas... que cada um dê ao diabo o que ele merece"

"O preço de se ter aquilo que se quer é ter aquilo que um dia se quis."

"Que poder o inferno teria se os presos daqui não conseguissem sonhar com o paraíso?"

-"Eu sou a anti-vida, a besta do julgamento, eu sou a escuridão no fim de tudo. O fim dos universos, deuses, mundos... de tudo. E o que você é mestre dos Sonhos?”
-"Eu sou a Esperança."


"Quando a primeira coisa viva
existiu, eu estava lá esperando...
Quando a última coisa viva morrer,
meu trabalho estará terminado...
Então, eu colocarei as cadeiras
sobre as mesas, apagarei as luzes,
e fecharei as portas do universo,
enquanto o deixo para trás..."

“rose Walker - ei, vc! sabia o que Freud disse sobre sonhos de voar? quer dizer que na verdade estamos sonhando em fazer sexo.”
Morpheus - verdade? então o que significa quando vc sonha que está fazendo sexo?”

"O que ganho eu, se conquisto aquilo que busco? Um sonho, um alento, uma espuma de alegria fugidia. Quem compra o contentamento de um minuto para se lamentar uma semana?"

Um comentário:

  1. Ola caro bardo (só pq vc parece um bardo, rsrsrs), e companheiro de trupe!

    Sandman, eu não tenho palavras para descrever a importância desta série de graphic novel ao mundo e à mim. Espero que com este post vc possa instigar muitas pessoas a visitarem o mundo dos sonhos e dele experimentar o fruto que eu e você experimentamos e nos fez fascinar por tal "relíquia" perdida entre HQ e literatura.

    Cada frase acima citada se faz sentido não só dentro do arco que ela pertence, mas sim um belo conselho para nossas vidas.

    Acabei de ler seu conto sobre Fenrir, gostei muito da descrição do respeito de Odin ao filho de Loki, que mais tarde seria amarrado com as tripas de seu próprio filho!

    Parabéns, fico orgulhoso em ter um escritor com tal visão e alcance para escrever bem aqui na minha cidade!

    Abraço

    ResponderExcluir